Saint Seiya: Kali-Yuga Chronicles

Saint Seiya RPG
 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Campos Eliseos

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Hades
Deus
avatar

Mensagens : 53
Reputação : 0
Data de inscrição : 12/09/2010

MensagemAssunto: Campos Eliseos   Dom 12 Set 2010, 22:35



"A beleza da morte está em sua frente..."
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Hades
Deus
avatar

Mensagens : 53
Reputação : 0
Data de inscrição : 12/09/2010

MensagemAssunto: Re: Campos Eliseos   Qua 29 Set 2010, 14:05







Diante de uma estátua enorme fixada nos Campos Eliseos estava alguns indíviduos, sem uma aparência determinante, como se tivessem ocultos em sombras, seus rostos estavam abaixados como se adorassem ou esperassem por algo. Estavam em silêncio e deveriam ser por volta de 100 espectros ali ajoelhados frente a uma estátua. Era no mínimo um clima estranho, puramente de espera.

Ali estavam os 108 espectros, na realidade, as 108 súrplices, algumas já com seus representantes, almas tão perdidas no Inferno que tiveram a "dádiva" de serem escolhidas pelas Sapuris. Outras armaduras simplesmente com sombras negras as trajando, como fosse guiadas a estarem ali. Essas Sapuris, armaduras negras como o ébano, pareciam esperar um representante, as almas ao qual as Estrelas Malignas um dia acolheriam. Sem o despertar de Hades isso nunca ocorreria.

As sombras ficavam ali, curvadas, esperando que o despertar do Deus do Submundo novamente ocorresse. E então algo começou a rodear a estátua a frente das Sapuris. Uma energia negra, talvez roxeada. Era com certeza a alma de Hades e seu despertar estaria próximo
.




A alma do deus seguira em direção ao seu caixão, abaixo daquela estátua, adentrando no mesmo. Um poderoso cosmo se expande por todo Eliseos, fazendo raios cruzarem todo o Inferno. A destruição do caixão anunciava após séculos de torpor, o retorno do filho de Cronos e Réia, Hades.

Algum tempo depois, já no interior de seu templo, o Imperador do Inferno observava os espectros a sua frente e então aquelas sombras, na realidade almas esperando a chance de voltar a vida. Antes seladas na última Guerra Santa por Athena, os espectros não poderiam reviver até Hades despertar novamente e a hora havia chegado. Os céus se avermelhavam e a temperatura subia, fazendo com que as belas rosas que cobriam todo o campo, murchassem rapidamente.
Os portões do Templo se abriram e de lá saiu Hades.



-- O cheiro da liberdade... o cheiro das rosas do Eliseos... sensação no mínimo instigante, a morte é no mínimo o começo do auge do poder e da beleza.

Os espectros levantaram seus rostos e no local das sombras, almas perdidas, ali estavam rostos angelicais ao qual representavam o ressurgimento das Sapuris, os Espectros estavam despertados.

Naquele momento Hades deu alguns passos a frente e fez sinal para que os Espectros se levantassem. em sua mão uma esfera negra se formava e tomava proporções maiores a cada segundo até ficar gigantesca e a frente dos Espectros, a esfera foi tomando a aparência de um globo terrestre, era a Terra. No globo havia um ponto negro na Ásia, especificamente na Índia.



-- A príncipio aqui despertou a Deusa Hindu, Kali, a deusa da morte, da desgraça e da matança ao qual eu deveria temer seu despertar mas... ela não me oferece perigo, não ainda que é só uma garotinha. Eu deveria pedir para vocês matarem a garota que logo será Kali mas não será o caso... afinal lucrarei com a desgraça e a Guerra Santa que está para ocorrer... mas Athena e outros deuses não serão tao permissivos como eu, não entendem que a Morte seja a salvação dessas almas tomadas pelo caos.

Um silêncio tomou conta do local e Hades deu alguns passos a frente e o globo negro começou a rodar lentamente, e então um brilho negro surgiu em outro ponto daquele "mapa" gigantesco a frente dos espectros. O mapa começava a sumir e dentro do globo surgiu a imagem de uma montanha na Terra, na África, na região árabe.

-- Há um deus menor que não poderá ser despertado, Kactis, o Deus Baal... há poucos servidores dele despertado, por enquanto mas ele é uma ameaça caso desperte. Há milhares de anos atrás, na 12ª Guerra Santa, Baal atrapalhou meus planos contra Athena e seus seguidores, a príncipio não pensei que ele seria uma ameaça mas ele e alguns seguidores fenícios acabaram conseguindo invadir meu Santuário na Terra, conseguiram ultrapassar a barreira e derrotar alguns espectros e enfraquecer meu poder. O sulficiente para Athena e os Cavaleiros dela nos derrotarem... a príncipio não foi algo importante, já que Baal nunca foi e será um Deus de grande poder mas se ele voltar a despertar pode causar problemas em minhas pretenções.

Outro silêncio tomou o local e Hades apontou para um dos Três Juizes, Radamanthys de Wyvern, e fez sinal para que o mesmo se aproximasse. Após isso ocorrer, Hades acariciou a cabeça de um de seus mais poderosos espectros e deu um sorriso.

-- Escolha alguns espectros para lhe acompanhar e vá até as Montanhas Cáspitas de Beirute... lá só deverá destruir a estátua de Baal lá construída por seus servos e assim impedir que ele desperte... confio tal patética mas importante missão a você.







Spoiler:
 

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Radamanthys de Wyvern
Espectro
avatar

Mensagens : 47
Reputação : 1
Data de inscrição : 14/09/2010
Idade : 20
Localização : Submundo

MensagemAssunto: Re: Campos Eliseos   Qua 29 Set 2010, 21:22

Radamanthys de Wyvern, o kyoto que sempre jurou lealdade a Hades, obedece as ordens de seu Imperador e se vira lentamente para todos os espectros. Após cerca de 5 minutos, ele diz, em alto e bom som, o nome dos três espectros escolhidos.

- Espectro de Benu, da Estrela Celeste da Violência. Espectro de Alraune, da Estrela Celeste Demoníaca. E por fim, espectro de Basilisk, da Estrela Celeste da Perspicácia. Vocês três serão meus ajudantes nessa missão. Matar um deus não é tarefa fácil, até mesmo pra mim, mesmo ele sendo um deus inferior. Vamos, o Imperador Hades está ansioso pelo sangue de mais um inimigo morto!

Os três espectros se apresentam perante o Juiz do inferno e o Senhor do Submundo e se ajoelham. Radamanthys se vira para o Imperador e diz:

- Aqui estão os guerreiros que irão marcar seu camino por vitórias derrotando um deus. Fale a hora de sairmos para atendermos a vosso desejo.




Spoiler:
 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Campos Eliseos   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Campos Eliseos
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Campos
» Campo de Austin ♠Local Público Oficial♠
» Descanse em paz Eduardo Campos!
» Prelúdio: Filhos da Tempestade
» [CAMPO 3] Treinos Individuais - Shon Hozuki

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Saint Seiya: Kali-Yuga Chronicles :: On/Off :: Inferno-
Ir para: